12
jan2017

2017 será diferente!

É importante se pensar sobre cada ação que fazemos todos os dias, mesmo nos momentos de diversão, pois quando temos a consciência de nossos atos, damos um significado para eles e assumimos uma responsabilidade não só com nós mesmos, mas também com o mundo. Nós somos os responsáveis por aquilo que acontece conosco. Quando não existe consciência, somos vítimas e também assassinos de tempo, dinheiro, qualidade de vida e desenvolvimento pessoal.

Muitas vezes tentamos tornar o planeta mais justo ou sustentável, o corpo mais saudável. Enchemos a internet com “selfies” de momentos que nem sempre são reais. Sabemos que andar de bicicleta pode diminuir a poluição no mundo, mas preferimos ir de carro ao trabalho para evitar o suor e a chuva. Todos os dias vemos matérias ou vídeos falando do mal que é gerado por fast-food, e mesmo assim lotamos as filas porque temos preguiça de ir no mercado comprar algo que faça melhor à nossa saúde.

Para que esse ano seja diferente, é necessário que tenhamos consciência das nossas ações, pois elas contribuem para o nosso desenvolvimento em vez de atrapalhá-lo. Se continuarmos a fazer as mesmas coisas sem pensar, podemos estar inconscientemente nos sabotando.

Com o período em que estamos vivendo em nosso país, de altos desempregos, cortes de gastos nas empresas e aumento da inflação, é o momento de buscar fazer a diferença. Eu sou o exemplo vivo de que existe a oportunidade. Sei que ser empreendedor não é nada fácil, são inúmeros desafios e possíveis fracassos que, na maioria das vezes, desmotivam ou interferem no sucesso. Mas, eu sei que a maioria dos negócios já falharam em algum momento e que os melhores aprendizados são adquiridos com os fracassos.

Desejo que em 2017 você faça a diferença, aproveitando mais os seus projetos e metas. Que você permita-se ter novas experiências, conhecer outras culturas, fazer uma viagem de autoconhecimento e consciência dos seus atos e que para cada um deles você seja capaz de responder: “porque você faz o que faz, a cada instante?”.

03
nov2016

Sucesso no Curso In Company para a equipe do A Tarde

Estive revendo alguns arquivos de 2013 referente as minhas turmas in-company e encontrei essa foto:

A Tarde - Jefpower

Para melhorar as apresentações de ideias e projetos, a equipe do Jornal A Tarde contratou em 2013 meu treinamento in-company de “Apresentações com Prezi”. O Jornal A Tarde foi a primeira empresa contratante do modelo de treinamento.

Ministrado por mim, Especialista em Prezi, a capacitação teve seu sucesso alcançado. Os profissionais presentes se envolveram em um ambiente de análise e estímulo de percepções, onde puderam ter a participação ativa na construção de novos caminhos para comunicar ideias. Através de uma metodologia bem elaborada, foram apresentados alguns cases de diversas situações em que necessitamos criar uma apresentação criativa das nossas ideias e projetos.

Foram explorados todos os recursos básicos e avançados do Prezi, roteiro de apresentação no formato de mapa mental e criação de apresentações colaborativas, como essa:

Gostaria de um curso como esse para a sua equipe? Entre em contato comigo, clique aqui!

26
set2016

2º edição do Alavanque 2016 em Salvador

A segunda edição do Alavanque ocorreu neste último final de semana (24 e 25 de setembro) em Salvador e contou com a participação de 50 pessoas incluindo empreendedores, startups, universitários e profissionais de diversas áreas.

O evento tem como objetivo alavancar, em um final de semana, a transformação de empresas e dos envolvidos. Das empresas participantes desta edição tivemos:

Lánavaranda – Uma empresa de paisagismo que aposta em um bom atendimento e se foca bastante no paisagismo indor com alta decoração.

img_7209

ReniBell – A empresa surgiu quando o casal, Renilson e Rebeca, teve a ideia de vender lanches porta à porta, com qualidade e de baixo custo, para que todos pudessem ter acessibilidade e pudesse provar os produtos. As coisas foram acontecendo logo de início, os produtos tiveram uma boa aceitação. Com esse crescimento espontâneo, Renilson largou o emprego e atualmente investe seu tempo e energia juntamente com Rebeca no negócio.

img_7207

Medbasic – Uma plataforma idealizada por estudantes de medicina e médicos-professores das faculdades de medicina com o intuito de fornecer conteúdos do ciclo básico e clínico da faculdade (1º ao 4º anos) em um
mercado de em torno de 100.000 pessoas e que 25% dele se renova a cada ano (os alunos que estavam no 4º ano passam para o 5º ano, que é uma outra fase da faculdade e novos alunos entram no 1º ano).

img_7211

O Jefpower marcou presença no evento falando sobre a importância de ferramentas como o Evernote, Azendoo, Moskit, ContaAzul, Todoist, Prezi, entre outras, nos processos de todos os tipos de empresas e/ou projetos. Na oportunidade, foram feitos sorteios com alguns vouchers e brindes.

2

3

E como sou completamente apaixonado por empreendedorismo e já faço parte deste evento desde sua primeira edição deste ano, também fui convidado para ser o mentor de marketing. E que honra fazer parte disso, viu?!

12

E no meio desta adrenalina de dois dias, ganha a premiação a equipe que gerou mais resultados. Nesta edição, a equipe vencedora foi a ReniBell.

142 31

Mas, todos ganham, pois a experiência de vivenciar um evento como esse é incrível. Confira alguns registros que ocorreram durante o evento!

1 3 24 6 5 71 2 4 3 2 3 4 1 2 3 5 1 2 3 4 1 2 3 4knffnklimg_7433img_7483

Acompanhe o trabalho da Liga Empreendedora da Bahia através do:
Facebook
Instagram

19
ago2016

9 dicas para melhorar sua apresentação

Uma boa apresentação para o público não depende apenas de você, pois é preciso ter um material rico em informações com qualidade, com histórias descontraídas e interativas. Para a produção de tudo isso é necessário que seja valorizado a etapa de planejamento. Ao analisar pontos como tema, público e estrutura dos slides, você estará mais preparado para alcançar ou até superar as expectativas do público.

Para ajudar você nesta tarefa, eu e minha equipe reunimos uma lista com 9 dicas para conquistar melhores resultados em suas apresentações. Dê uma olhada:

DICA 1 – DEFINA O OBJETIVO DA SUA APRESENTAÇÃO

A primeira e uma das mais relevantes etapas. Afinal, sem um objetivo, não tem como saber como prosseguir com a criação. O que queremos destacar nesse caso é a importância de ter um foco principal para a sua apresentação. É estudar e preparar os slides e os conteúdos focados em apenas um objeto.

Com o objetivo definido, fica fácil desenvolver o conteúdo explorando assuntos que podem ser:

  • A história;
  • Os produtos;
  • Os resultados;
  • Os funcionários;
  • Os clientes;

Ter uma única temática ajuda numa apresentação mais objetiva e menos dispersa. Mas, é claro que, isso dependerá de onde você estiver falando e do tempo disponível. Contudo, em um ambiente de negócios, como em reuniões e negociações, nas quais o tempo é sempre corrido, quanto menos enrolação, melhor.

DICA 2 – APRESENTE ALGO IMPORTANTE PARA O SEU PÚBLICO

Conhecer a fundo o seu público poderá ajudar na forma como a sua apresentação será estruturada. Colaboradores, clientes que você conhece, potenciais clientes não muito próximos ou investidores: cada segmento terá uma linguagem específica, um conteúdo mais direcionado e objetivos e metas diferentes.

  • Sabendo quem irá compor o seu grupo de espectadores, procure analisar:
  • Quais são as principais dúvidas e problemas deles;
  • O que eles esperam como solução;
  • Quais informações relevantes você tem a oferecer;
  • O que pode prender a atenção deles até o final a apresentação.

Concentre-se em ajudar o seu público. A apresentação e seu conteúdo precisa ser interessante, agradável e benéfico para eles e não para você. Não é só o que você acha extraordinário, é o que realmente fará diferença para as pessoas após a apresentação.

DICA 3 – PRODUZA VÁRIOS FORMATOS PARA UMA MESMA APRESENTAÇÃO

Essa é uma dica válida especialmente para aqueles que gostam de produzir suas apresentações no Prezi, Google Apresentação ou no Keynote — softwares menos usados do que o popular PowerPoint.

A importância em variar os formatos está em otimizar a passagem e a visualização dos slides em diferentes dispositivos. Algumas apresentações podem ficar pesadas para rodar em alguns computadores, assim como podem ser incompatíveis com tablets ou smartphones.

Mesmo que você só venha a usar uma única versão no seu próprio PC, pense nas pessoas que podem ficar interessadas em seu conteúdo e ter posse dele para uso pessoal. Portanto, faça uma variável para cada software e formatos diferentes do próprio PowerPoint, como .ppt, .pptx e até mesmo em .pdf.

DICA 4 – OPTE POR TÍTULOS CURTOS, LISTAS E TÓPICOS

A importância dos títulos está em resumir a ideia de um slide em uma frase, de rápida compreensão e não desvie muito a atenção do público em relação a você ou quem estiver apresentando. Caso mais informações precisem ser expostas em uma única lâmina, é recomendado o uso dos elementos restantes. Listas e tópicos, em média com 3 itens, facilitam a memorização do conteúdo trabalhado.

Não se esqueça de que os slides estão ali para serem um suporte ou, no máximo, um roteiro para ajudar a sua apresentação. O foco deve ser no discurso do orador, pois, em uma proposta de venda, por exemplo, o cliente vai negociar com você e não com um slide, certo?

Outro detalhe importante é o tamanho das fontes. Dê preferência para as maiores! O tamanho dos textos pode variar entre 28, 30 e 32, ao passo que os títulos devem ser maiores do que 36. Essa escolha depende do tamanho do ambiente da apresentação e do alcance visual das pessoas.

DICA 5 – EXPLORE DO STORYTELLING

O storytelling é um recurso poderoso e muito usado por grandes marcas no mundo para contar histórias boas e relevantes. A importância em criar e reproduzir histórias está na facilidade de nós entendermos melhor as mensagens transmitidas. Músicas, filmes e séries não seriam tão populares se não fossem fáceis de memorizar e capazes de nos envolver.

A base para uma boa história é ter uma sequência lógica, com início, meio e fim. Mais do que isso, ela pode ter personagens, vilões, conflitos, desfechos, problemas, soluções e muitos outros elementos pensados em cativar o público. É despertar o interesse das pessoas pelo lado lúdico, mesmo quando o tema for algo mais estático.

Sem dúvidas, o storytelling é a melhor forma de criar uma conexão com o seu público. Em seus slides, pense em fazer com que cada lâmina esteja ligada à próxima e à sua precedente. Assim, você vai fazer com que cada página desperte uma expectativa para a próxima etapa.

DICA 6 – INTERAJA COM O PÚBLICO DURANTE A APRESENTAÇÃO

As pessoas tendem a perder um pouco do foco em discursos muitos centrais, fechados apenas na figura do interlocutor. O ideal, até para quebrar um pouco dessa unilateralidade, é conversar com o público antes e durante da apresentação e não apenas depois, como nos tradicionais esquemas de perguntas e respostas.

Por exemplo: durante os cumprimentos iniciais, você pode pedir para que algumas pessoas falem quais são suas expectativas e o que elas esperam da apresentação. Já no meio da sua fala você pode pedir a opinião ou a sugestão dos seus espectadores.

DICA 7 – PERSONALIZE SUA APRESENTAÇÃO

Seguindo a última ideia do tópico anterior, você pode aproveitar as sugestões do público para abandonar a linearidade da sua apresentação. Softwares como o Prezi permitem que você possa se aprofundar em um determinado tópico ou pular diretamente para o próximo. Assim, você abre a possibilidade de seguir caminhos de acordo com a vontade dos espectadores.

DICA 8 – VARIE NOS TIPOS DE CONTEÚDOS DA SUA APRESENTAÇÃO

Em seus slides, você não precisa usar apenas textos e tópicos, por exemplo. É legal variar com imagens, áudios, animações e vídeos. Essa espécie de intercalação ajuda na memorização da posição das informações em sua apresentação.

Por exemplo: será muito mais fácil para um espectador lembrar onde estava um determinado vídeo se ele é o único ou um dos poucos em uma apresentação que também conta com textos, imagens etc.

DICA 9 – DISPONIBILIZE OS SEUS CONTATOS

Quando você se apresenta para muitas pessoas as quais ainda não constituiu uma relação comercial, o ideal é oferecer essa oportunidade para eles. Quando você monta e reproduz uma apresentação com um bom conteúdo, dinâmica e agradável, parte do público certamente terá curiosidade ou interesse em continuar a manter contato com você ou com sua empresa.

Portanto, não se prenda apenas a cartões de apresentação. No final dos slides, exponha seu telefone, e-mail, perfis nas principais redes sociais e aplicativos de mensagens.

Para que você atinja melhores resultados com sua apresentação é necessário que você pense em cada uma dessas dicas. É estruturar o planejamento para definir a construção da sua apresentação que inclui: produção de conteúdo rico, conciso, memorável e de fácil entendimento; exibição dinâmica com troca de informações a qualquer momento; e por último, dar a chance para que as pessoas, de todas as formas, possam manter contato com a sua empresa e rever o conteúdo da apresentação.

O que você acredita que poderia entrar nesta lista para melhorar a eficiência de uma apresentação? Conte para a gente nos comentários!

apresentação-_-jefpower

12
ago2016

21 dicas para diminuir a poluição nas suas apresentações

Em nossa vida acadêmica e/ou profissional necessitamos recorrer ao uso de apresentação em slides para transmitir uma mensagem a um determinado público, seja uma pequena plateia, um professor, sua equipe ou seu chefe.

Na ânsia de construir uma boa apresentação, muita das vezes exageramos nos recursos visuais, deixando a apresentação muito poluída o que gera um resultado ruim. Para contornar esse mal, eu e minha equipe construímos 21 dicas para se fazer uma apresentação menos poluída, mais eficiente e com maior potencial para alcançar o seu objetivo.

5100086291_f05ff5b9ef_o

Vamos as dicas?!

DICA 1

Utilize fundos claros nas apresentações. Evite os fundos escuros, principalmente se o slide for apresentado à noite ou em uma sala escura. Fundo preto deve ser utilizado somente para destacar imagens de fluorescência.

DICA 2

Cuidado com o tamanho da fonte a ser usada. Se a apresentação ocorrer em um ambiente amplo, utilizar fontes pequenas vai impossibilitar a leitura de quem está distante da projeção.

DICA 3

Não transforme o seu slide em um relatório. Nada de adicionar informações demais, com frases extensas ou vários parágrafos. Um slide deve conter somente mensagens básicas, tópicos simples e de fácil interpretação.

DICA 4

Priorize fontes sem serifa (aqueles tracinhos embaixo da fonte). Fontes com serifa são ideais para textos impressos.

DICA 5

Utilize informações hierarquizadas. Os amontoados sem uma lógica aparente dificultam a compreensão do público.

DICA 6

Cuidado com as margens. Assegure de utilizar sempre um padrão de margem para todos os slides da apresentação. Se não, você corre o risco simplesmente de perder um pedaço do trabalho ao projetá-lo.

DICA 7

Use imagens de boa qualidade. Uma imagem de baixa resolução ficará borrada ao ampliá-la e deixará uma impressão de desleixo.

DICA 8

Só utilize as imagens que forem relevantes para o seu conteúdo.

DICA 9

Evite cores desordenadas. Utilize-as como forma de hierarquizar o conteúdo.

DICA 10

Se o texto for centralizado, não utilize marcadores.

DICA 11

Utilize marcadores de números para indicar a ordem hierárquica das informações contidas no slide.

DICA 12

Não utilize tabelas muito grandes. Para boa interpretação do público, as tabelas devem conter no máximo sete linhas e quatro colunas. Quando possível, elimine as linhas para facilitar a leitura.

DICA 13

Ao utilizar gráficos, produza-os de maneira que fique fácil de compreender. Evite recursos visuais, como efeitos tridimensionais. Quanto mais simples, melhor.

DICA 14

Use corretamente as letras maiúsculas e minúsculas. Utilizar um texto todo em caixa alta prejudica o slide visualmente.

DICA 15

Ilustrações com traços muito finos prejudicam a visualização. Prefira desenhos com traços mais definidos.

DICA 16

Procure usar apenas uma imagem por slide. Excesso de fotos prejudica a informação.

DICA 17

Não abuse da animação. Utilizar demais esse recurso pode desviar o foco do público para o conteúdo apresentado.

DICA 18

Slides demais podem tornar a apresentação maçante. Tente condensar as informações que você deseja passar em um número mínimo de telas possível.

DICA 19

Ao utilizar ilustrações e/ou desenhos, garanta que eles sejam autoexplicativos. Obrigar que seu espectador se esforce para decifrar a ilustração torna a apresentação entediante.

DICA 20

Não deixe seus slides sem título. O recurso ajuda o público a se situar a respeito do que está sendo abordado na tela.

DICA 21

Por fim, tente definir um tempo máximo para que o espectador possa interpretar um slide. Se é possível compreender as informações projetadas em até dez segundos, é sinal de que você está sendo bastante eficaz em transmitir a mensagem desejada.

Você costuma fazer apresentações com slides? Tem algum truque para deixá-las mais atraentes? Compartilhe nos comentários!

apresentação-_-jefpower

Facebook
Linkedin
Twitter
Google+