10
jun2017

As 5 ferramentas de gestão de projetos mais utilizadas em startups

Na hora de escolher uma ferramenta para a sua startup você deve avaliar a eficácia dela no mercado e o número de recursos oferecidos afim de suprir as necessidades do seu negócio.

Quando estamos começando uma startup, a disponibilidade de recursos financeiros é bastante restrita, porém a necessidade de ferramentas digitais é gigante. Afinal de contas, é nos primeiros momentos de vida da startup que precisamos implementar as ferramentas essenciais para manter o negócio funcionando como deve ser e evitar problemas futuros.

Inicialmente um caderninho ou uma planilha pode até suprir as primeiras necessidades. Mas, é claro que, a medida que a startup vai crescendo, alguns processos começam a fazer falta. Não dá pra ficar fazendo controle financeiro numa planilha do Excel ou gerenciando as tarefas da equipe por troca de e-mails.

Por isso, resolvi centralizar nesta matéria algumas opções de ferramentas que são bem utilizadas nas principais startups com a finalidade de ajudar na produtividade do seu negócio de modo geral.

EVERNOTE

Já falei várias vezes sobre o Evernote aqui no blog. A ferramenta pode ser utilizada para gerenciar projetos inteiros por meio de pilhas e cadernos. Tudo que você acrescentar no Evernote pode ser pesquisado – essa é só uma das inúmeras funções que a ferramenta oferece.

Para empresas a partir de 3 colaboradores, recomendo o plano Evernote Business.

Se precisar de uma consultoria de Evernote, entre em contato comigo.

AZENDOO

Eu utilizo está ferramenta aqui no Jefpower. O Azendoo é um gerenciador de projetos e tarefas bem complexo e fácil de manusear com versões para web, desktop e Android/iOS. Além de uma visualização do projeto e seu status, também serve para garantir a produtividade de todos do time.

O Azendoo conta com opção de fazer integração com muitas ferramentas, como por exemplo: Evernote, Dropbox, Google Drive, Zapier, entre outras. No quesito gerenciamento de tarefas, é possível acompanhar as tarefas designadas para outros membros, comentar em cada uma delas, fazer upload de arquivos e outras opções.

Uma outra vantagem da ferramenta é a possibilidade de comunicação entre os membros da equipe – mensagem diretas, enquetes ou interações em forma de feed de notícias. Para um trabalho ainda mais divertido e agradável, o Azendoo permite o uso de GIFs, emojis e personalização de links.

Gostaria de uma demonstração desta ferramenta? Solicite gratuitamente aqui. 

ASANA

A ferramenta possui um visual clean possibilitando melhor foco. É possível adicionar vários detalhes em cada tarefa – comentários, arquivos, prazo e responsável. Em cada tarefa – separada por projeto – você visualiza um calendário completo com todas as tarefas entregues ou pendentes.

Quando o assunto é comunicação entre membros, o Asana possibilita adicionar comentários nas tarefas. O gestor também pode delegar o responsável da tarefas facilitando a troca de e-mails. Algumas pessoas utiliza o Asana para gerenciar projetos pessoais também.

Para equipe com menos de 5 integrantes o Asana é gratuito. Acima de 5 os preços variam e são cobrados por usuários.

TRELLO

Eu particularmente não gosto de gerenciar projetos e tarefas em formato kanban, mas gosto muito do Trello e de como ele agrega valor e praticidade no gerenciamento deste processo. Se você gosta de visual macro, o Trello é ideal para o seu negócio.

No Trelllo você cria boards dentro de cada projeto e em cada um é preenchido por cards – etapas e tarefas. Dentro dos cards você consegue fazer comentários, upload de arquivos, marcar pessoas, organizar por tags e outras funções.

A ferramenta é bem agradável e conta com aplicativos para diferentes dispositivos. Chega até a ser divertido de usar.

Para quem desejar fazer integrações tem que contratar o plano Premium.

HAVERST

O Harvest é ideal para quem busca um gerenciador de projetos com foco em rastreamento de tempo. Além de ser uma ferramenta bem centrada em equipes.

Os relatórios desta ferramenta são interessantes por informar o tempo dedicado em cada projeto por cada membro.

É possível configurar o faturamento de cada projeto – ele inclusive envia uma notificação por e-mail caso algum valor tenha ultrapassado. Essa questão de horas trabalhadas tem sido exigidas pelos gestores.

Além deste foco no gerenciamento de tempo, o Harvest também possui uma função de gerenciamento de tarefas interessante. Só não recomendo escolher está ferramenta caso a gestão de tempo não seja interessante para o seu negócio, pois a funcionalidade pode atrapalhar o seu processo de trabalho.

O que achou dessas ferramentas? Qual chamou mais atenção? Já utiliza alguma na sua startup? Deixe o seu comentário.

19
jan2017

Transforme seus mapas mentais em projetos ágeis com o MeisterTask

O mapeamento mental é uma técnica fantástica quando se trata de ideias de brainstorming, tomando notas, delineando estratégias e planejando projetos. Mas, todos sabemos que o trabalho não para por aí. Assim que tiver a ideia, estratégia ou plano pronto, é hora de transformá-lo em ação. Mas, como?

CONHEÇA O MEISTERTASK

O MeisterTask é uma ferramenta de gerenciamento de tarefas e colaboração intuitiva que se integra perfeitamente com a ferramenta de mapas mentais – MindMeister. A integração permite que você transforme seus mapas mentais em boards de projetos, similar aos do Trello, e importar todas as suas ideias criativas como tarefas para que você possa executá-las após a sessão de brainstorming.

Confira o vídeo para ver este fluxo em ação:

O MeisterTask tem tudo que você precisa para agregar na produtividade da sua equipe. A interface é personalizável para adaptar-se perfeitamente ao seu fluxo de trabalho, possui recursos inteligentes permitindo a automação de processos recorrentes e pode ser executado em qualquer navegador web ou nos dispositivos móveis.

NOVIDADES RECENTES DO MEISTERTASK

A equipe introduziu recentemente para usuários Pro: Estatísticas & Relatórios – opção para obter insights sobre a produtividade da equipe, quais tipos de tarefas tomam mais tempo, em quais tarefas os colaboradores gastaram mais energia e muito mais. A nova atualização está mais elegante e com uma visualização do calendário incrível.

Ficou curioso para conhecer o MeisterTask na prática? Aproveite a oportunidade!

 

12
jan2017

2017 será diferente!

É importante se pensar sobre cada ação que fazemos todos os dias, mesmo nos momentos de diversão, pois quando temos a consciência de nossos atos, damos um significado para eles e assumimos uma responsabilidade não só com nós mesmos, mas também com o mundo. Nós somos os responsáveis por aquilo que acontece conosco. Quando não existe consciência, somos vítimas e também assassinos de tempo, dinheiro, qualidade de vida e desenvolvimento pessoal.

Muitas vezes tentamos tornar o planeta mais justo ou sustentável, o corpo mais saudável. Enchemos a internet com “selfies” de momentos que nem sempre são reais. Sabemos que andar de bicicleta pode diminuir a poluição no mundo, mas preferimos ir de carro ao trabalho para evitar o suor e a chuva. Todos os dias vemos matérias ou vídeos falando do mal que é gerado por fast-food, e mesmo assim lotamos as filas porque temos preguiça de ir no mercado comprar algo que faça melhor à nossa saúde.

Para que esse ano seja diferente, é necessário que tenhamos consciência das nossas ações, pois elas contribuem para o nosso desenvolvimento em vez de atrapalhá-lo. Se continuarmos a fazer as mesmas coisas sem pensar, podemos estar inconscientemente nos sabotando.

Com o período em que estamos vivendo em nosso país, de altos desempregos, cortes de gastos nas empresas e aumento da inflação, é o momento de buscar fazer a diferença. Eu sou o exemplo vivo de que existe a oportunidade. Sei que ser empreendedor não é nada fácil, são inúmeros desafios e possíveis fracassos que, na maioria das vezes, desmotivam ou interferem no sucesso. Mas, eu sei que a maioria dos negócios já falharam em algum momento e que os melhores aprendizados são adquiridos com os fracassos.

Desejo que em 2017 você faça a diferença, aproveitando mais os seus projetos e metas. Que você permita-se ter novas experiências, conhecer outras culturas, fazer uma viagem de autoconhecimento e consciência dos seus atos e que para cada um deles você seja capaz de responder: “porque você faz o que faz, a cada instante?”.

07
nov2016

Recuperando o relacionamento com o cliente inativo

Chega uma fase na vida de uma empresa em que a comunicação tende a ficar saturada, restando apenas duas alternativas: prospectar novos clientes ou recuperar os antigos. Muitas pesquisas já comprovaram que recuperar clientes inativos é mais barato do que conquistar novos, inclusive este processo pode 5x mais, portanto aprenda com este artigo como recuperar o relacionamento com o seu cliente inativo e aumente as vendas do seu negócio.

DIFERENÇA ENTRE CLIENTES PERDIDOS E CLIENTES INATIVOS

É necessário que você classifique os seus clientes antes de realizar qualquer ação. Os clientes etiquetados como perdidos são aqueles que foram para a concorrência ou desistiram da sua proposta, cortando as relação com a sua empresa por algum motivo interno ou externo.

Os clientes inativos são aqueles que já compraram o seu produto ou aprovaram o seu serviço, mas não fazem mais isso por algum tempo. Porém, eles continuam abrindo os seus e-mails ou acessando a comunicação do seu negócio por outro canal esporadicamente de uma forma fria.

RECUPERANDO O RELACIONAMENTO

Quando você consegue mapear o histórico desse cliente inativo com o seu negócio é possível criar soluções personalizadas com uma comunicação mais específica. Por exemplo, vamos simular que você é dono de uma loja de roupas masculinas e um cliente comprou com você uma camisa social para um evento. Desde sua última compra passaram-se 90 dias e nenhum retorno mais dele na sua loja, o que fazer?

Envie conteúdos direcionados as tendências de looks para eventos e outras ocasiões especiais, em seguida envie dicas de peças de acordo com os gostos dele e também com base no histórico de compra. Acrescente um código promocional. Mas atenção, não comunique só os seus produtos forçando a venda, estabeleça um diálogo e reconquiste a confiança deste cliente, fazendo-o avançar pelo funil de vendas novamente.

DESPERTE A CURIOSIDADE

O cliente inativo é um lead frio, ou seja, que perdeu interesse pelo seu negócio e pode partir para a concorrência facilmente. Por isso, não seja insistente e procure despertar a curiosidade e senso de urgência em cada e-mail. Como?

  • Títulos eficientes
  • Teste A/B
  • Copywriting
  • Teaser de lançamentos
  • Entre outras alternativas

UTILIZE UMA FERRAMENTA DE CRM

É de extrema importância que o seu negócio utilize alguma ferramenta de CRM. Eu utilizo o Moskit para maximizar os resultados do meu negócio (Jefpower). O segredo para recuperar o relacionamento é usar todas as informações disponíveis para ativar a comunicação e restabelecer a confiança do cliente alcançando a venda final.

moskit-jefpower

Curtiu este artigo? Fico com alguma dúvida? Deixe nos comentários!

31
out2016

10 lições de empresas que tem equipes remotas

De acordo com um relatório da Inuit, um quarto de todos os trabalhadores norte-americanos têm trabalhando remotamente por pelo menos algumas horas por semana. Um número crescente de empresas estão permitindo que seus funcionários trabalhem remotamente, e isso é porque as organizações estão mais interessadas nos resultados, ao invés da carga horária de trabalho dos funcionários em um escritório fixo.

Aqui estão 10 lições de equipes remotas, com exemplos de algumas das melhores equipes remotas do mundo.

1 – MELHORIA NA COMUNICAÇÃO INTERNA

Imagine que você está no trabalho, sentado ao lado de seus colegas. Você inicia uma conversa sobre o trabalho e quando percebe já está falando sobre o grande jogo de ontem à noite ou do capítulo da novela. No trabalho remoto pode ocorrer uma situação como essa, porém, é muito difícil. Já que você vai estar em um telefone ou bate papo, você vai querer ir direto ao ponto.

Na Automatic, empresa que desenvolveu o WordPress, atualmente está avaliada em mais de U$ 1 bilhão e tem cerca de 400 funcionários espalhados em 40 países diferentes. Eles não trabalham no mesmo escritório, nem compartilham de e-mails. Em vez disso, eles utilizam um blog interno chamado P2 onde tudo é atualizado e os membros da equipe podem verificar tudo o que está acontecendo, sem ter que enviar e-mails uns aos outros.

2 – PULAR O TRAJETO

Está é uma importante vantagem de trabalhar remotamente. É terrível acordar cedo para ir pro trabalho, arrumar bolsa/mochila, preparar e tomar o café rapidamente e ainda ter que lidar com o trânsito. Quando trabalhamos remotamente, ganhamos muitas horas extras para concluir um trabalho. Por que desperdiçar tempo no trânsito, por exemplo, quando se pode ganhar até mais qualidade de vida evitando estresse e trabalhando com mais tempo livre?

A Treehouse é uma empresa que ensina as pessoas a codificar. Com a ajuda de 100 membros da equipe trabalhando remotamente, a empresa obtêm uma receita anual de U$8.000.000. O fundador da Treehouse, Ryan Carson, entende que, quando você pula o trajeto, você economiza tempo e trabalha mais. É por isso que os funcionários da Treehouse só trabalham 4 dias por semana.

3 – MENOS DISTRAÇÕES

É notável que trabalhar remotamente gera uma maior concentração sobre algo sem distrações. E mesmo que você esteja trabalhando em um local com algumas distrações, facilmente você pode se deslocar para um outro local.

A inVision, empresa de software de design colaborativo, têm uma equipe remota que trabalha em diferentes locais do mundo, e eles permitem que cada membro selecionem o próprio momento de trabalho, mas isso não significa que a equipe não trabalha de forma colaborativa. A inVision garante que haja, pelo menos, algumas horas de trabalho em que todos os membros da equipe estejam conectados.

4 – SEM REUNIÕES DESNECESSÁRIAS

Quantas vezes você já participou de uma reunião desnecessária? São essas reuniões que, na maioria das vezes, interrompe o nosso fluxo de trabalho. Agora, quando você trabalha em uma equipe remota, as reuniões tornam-se importantes e todas elas são, ou pelo menos deveriam ser, bem planejadas e preparadas para que todos possam tirar maior proveito.

No caso da empresa Glide Consulting, eles moveram a comunicação e reuniões para uma plataforma de mensagens de texto. Algumas das vantagens está no registro de tudo e na seleção do que é importante.

5 – APROVEITANDO DIFERENTES HORÁRIOS

A principal razão de trabalhar remotamente está em poder trabalhar em um local e fuso horário diferente. Enquanto, algumas pessoas pensam que isso pode ser uma desvantagem, acredito que isso é uma grande vantagem.

A Baremetrics contrata profissionais específicos que sabem lidar com o trabalho remoto, que são capazes de resolver problemas e realizam o trabalho em diferentes fusos horários.

6 – TRABALHAR EM UM AMBIENTE CONFORTÁVEL

Se eu perguntasse para você: Qual seria um local agradável e que lhe permiti-se ser criativo e produtivo? Tenho a certeza que a sua resposta não seria o “escritório”. Ao trabalhar remotamente, você estaria trabalhando em um lugar que pudesse se concentrar completamente, e isso significa trabalhar mais e melhor em pouco tempo.

Groove, uma empresa que fornece software de help desk para organizações, tem todo o seu trabalho remoto. A empresa não quer ter funcionários para ocupar um espaço de trabalho, que na maioria das vezes, não é organizado. Em vez disso, eles incentivam os funcionários a encontrar o próprio espaço de trabalho que lhe gere produtividade e conforto. Todas as manhãs, eles realizam pequenas reuniões via chat delegando as ações que cada um dos membros da equipe terão que realizar durante o dia.

7 – USANDO AS FERRAMENTAS CERTAS

É essencial que as equipes remotas utilizem as ferramentas certas para a coordenação e comunicação. Este é o cenário em que as ferramentas de gestão tornam-se importantes, elas tornam o trabalho mais fácil. No entanto, a sua equipe também pode precisar de outras ferramentas para vídeo-conferências ou outras necessidades específicas.

Buffer é outra empresa com um grande número de membros da equipe trabalhando remotamente e a empresa garante que todos eles estejam equipados com as ferramentas certas para a realização de um excelente trabalho. Eles utilizam a ferramenta Timezone para saber os fusos horários e organizar reuniões com a equipe.

8 – MAIS TRANSPARÊNCIA

O que você ganha com uma ferramenta de colaboração em equipe? Mais transparência. Usando as ferramentas certas para sua equipe remota significa que você não tem que enviar e-mails individuais, a fim de receber atualizações sobre cada tarefa. Você pode acompanhar o progresso através do seu painel administrativo ou via mensagem direta.

O Zapier, um aplicativo que conecta aplicativos em prol de uma ação, tem uma grande equipe remota também. A empresa presa muito pela transparência entre todos os membros da equipe. Eles usam ferramentas como o Google Docs e Google Agenda.

9 – AUMENTO NA PRODUTIVIDADE

O que ocorre quando você trabalha no seu próprio ritmo, sem pressões e sem nenhuma distração? A sua produtividade alavanca e você percebe que consegue fazer o seu trabalho em menos tempo e com resultados satisfatórios.

MadMimi é um site de e-mail marketing. A empresa deixou que a sua equipe trabalhasse em seu próprio tempo e lugar confortável, afim de maximizar a produtividade. Nem precisa falar o resultado, né?

10 – ATUALIZAÇÕES SEMANAIS

A principal preocupação dos gestores com equipes remotas é saber se os membros da equipe estão mesmo trabalhando ou não. Se você estiver usando uma ferramenta de gestão de equipe confiável, você nunca terá como se preocupar com isso, pois é possível receber atualizações instantâneas quando as tarefas são concluídas e lembretes quando algo não for cumprido.

Help Scout é uma empresa de suporte para empresas, tem uma equipe remota bem sucedida. Eles têm uma tradição, a sexta-feira FIKA  onde cada membro conversa por pelo menos 20-30 minutos com outro membro escolhido aleatoriamente sobre diversos assuntos.

ENFIM…

Trabalhar remotamente ajuda você a se desligar de todas as distrações e se concentrar em seu trabalho. Com os recursos e as ferramentas certas, você está aumentando a produtividade e garantido mais sucesso no negócio.

Você já trabalhou ou trabalha com uma equipe remota? Como foi a experiência? Deixe nos comentários!

Facebook
Linkedin
Twitter
Google+